Filosofia (Licenciatura) - Católica de Vitória - Centro Universitário
Atendimento
27 3331-8500

Filosofia (Licenciatura)


O curso tem por objetivo capacitar o aluno a ser um educador, um filósofo e um professor de filosofia na Educação Básica.

Na busca da formação do educador, o curso tem como objetivo desenvolver as competências fundamentais que habilite os profissionais licenciados em Filosofia a serem:

- Educadores e líderes de aprendizagem e simultaneamente aprendizes durante toda a vida;
- Promotores da aprendizagem em equipe;
- Abertos à inovação nas escolas e na sociedade, mantendo o espírito crítico;
- Aptos para a comunicação, tanto no trato com as pessoas como com grupos, sendo estes grandes ou pequenos;
- Promotores de um saber mais holístico, pluri, inter e transdisciplinar;
- Estimuladores do protagonismo juvenil, sob os princípios da racionalidade acolhida e da abertura à transcendência;
- Portadores do espírito de cooperação e de colaboração na sua participação ativa em todas as iniciativas educativas, na sua disposição em partilhar o seu saber e a sua experiência com os outros professores.
 

Objetivando a formação do educador/filósofo, o curso tem como objetivos fazer com que o aluno seja capaz de:


- Demonstrar sólida formação em História da Filosofia, sempre em sintonia com a história geral, caminhos necessários para a compreensão dos principais temas da Filosofia;
- Demonstrar compreensão na análise de textos, dos temas das disciplinas básicas: história da filosofia, teoria do conhecimento, ética, lógica e filosofia geral: problemas metafísicos;
- Formular e propor soluções a problemas nos diversos campos do conhecimento, sob uma perspectiva filosófica;
- Desenvolver a consciência crítica sobre conhecimento, razão e realidade sócio-histórico-política;
- Interpretar e analisar textos segundo os mais rigorosos procedimentos da técnica hermenêutica;
- Compreender a importância das questões acerca do sentido e da significação da própria existência e das produções culturais;
- Perceber a integração necessária entre a filosofia e as produções científica e artística, bem como o agir pessoal e político;
- Relacionar o exercício da crítica filosófica com a promoção integral da cidadania, o respeito à pessoa e a defesa dos direitos humanos.
 

Visando a formação do educador/filósofo/professor de Filosofia na educação básica, tem ainda o curso o objetivo de habilitar o aluno para:


- Planejar, executar e avaliar as atividades pertinentes ao ensino da Filosofia;
- Levar em consideração as expectativas dos estudantes em relação ao programa de ensino de Filosofia;
- Manter a coerência entre o conteúdo de Filosofia ministrado e o conteúdo programado;
- Colocar a disciplina Filosofia a serviço da formação humana e profissional dos alunos;
- Estabelecer e comunicar, de forma clara, os objetivos do ensino de Filosofia;
- Apresentar domínio do conteúdo de Filosofia a ser ensinado;
- Adotar uma metodologia de ensino de Filosofia, coerente com os objetivos estabelecidos no plano da disciplina, centrada na participação dos estudantes, favorecendo um ambiente de aprendizagem cooperativa entre os mesmos;
- Comunicar com clareza as orientações de aprendizagem;
- Adequar a complexidade das atividades de aprendizagem ao nível de desempenho dos estudantes;
- Utilizar adequadamente os recursos de aprendizagem, incluindo a adoção de novas tecnologias (como vídeo, internet e recursos de informática) aplicadas ao ensino da Filosofia;
- Receber e fornecer “feedback” aos estudantes, sobre seu desempenho no processo de aprendizagem de Filosofia;
- Estabelecer um relacionamento positivo com os estudantes de Filosofia;
- Localizar e orientar o acesso dos estudantes a recursos bibliográficos e demais fontes de informação relacionados ao estudo da Filosofia;
- Organizar e implementar um sistema de avaliação da disciplina de Filosofia, a serviço da aprendizagem dos estudantes.

Área de Atuação

O curso de Filosofia da Faculdade Salesiana pretende formar, antes de tudo, um profissional do magistério de filosofia, que seja também um profissional do conhecimento, do confronto entre teorias, realidade e comportamento. É também um profissional a serviço do ensino, da pesquisa, capaz de dar orientação, consultoria e assessoria em instituições culturais e artísticas, assim como nas áreas de saúde (ética e bioética), jurídica (ética e lógica), e organizacional em projetos específicos, em empresas de comunicação, no mercado editorial (conselho editorial e editoração), em órgãos de planejamento social, educacional, econômico e político.