Católica de Vitória - Centro Universitário
Atendimento
27 3331-8500

Estamos entre os melhores Centro Universitários do país e ES
20/12/2018 - Institucional

O MEC mais uma vez comprovou e a Católica de Vitória está entre os melhores Centros Universitários do país e do Espírito Santo. Na última segunda-feira, dia 17, o Ministério da Educação- MEC divulgou o resultado do Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade) realizado em 2016, praticamente um ano após a sua realização.

O quadro abaixo evidencia o excelente resultado alcançado pela Católica de Vitória com nota 4 (CPC) nos cursos de Arquitetura e Urbanismo, Tecnólogo em Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Educação Física, Filosofia, Engenharia de Produção e Ciências Biológicas. É importante ressaltar que os conceitos no Exame e os Conceitos Preliminares de Curso (CPC) alcançados permitiram à Instituição efetivar o IGC 4, os quais nos colocam entre as melhores Instituições de Educação Superior do Brasil e do Espírito Santo.

De acordo com o reitor, professor Cledson Rodrigues, o resultado é um conjunto de ações. "São diversos fatores que contam, como as políticas institucionais de ensino e o forte caráter interdisciplinar nos nossos cursos e projeto integradores". Veja o quadro comparativo do resultado alcançado pelos cursos de graduação que participaram do último exame.


 

Clique aqui e veja o ranking divulgado no Gazeta Online.


O Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes- Enade

Uma vez a cada três anos, todos os cursos de graduação participam obrigatoriamente do Exame, o que configura um ciclo com atualização tri anual por meio da nota alcançada a cada novo ciclo de avaliação. A nota é composta por outros insumos que formam o Conceito Preliminar de Curso (CPC), tais como: percentual de professores com mestrado e doutorado; percentual de professores em tempo parcial ou integral; notas dos questionários de avaliação da organização didático-pedagógica, projeto pedagógico e infraestrutura respondido pelos alunos; entre outros.

O CPC mínimo exigido é 3 numa escala de 1 até 5, o qual representar o conceito satisfatório. Caso uma instituição efetive o conceito 1 ou 2 em qualquer dos seus cursos, terá que passar obrigatoriamente por protocolo de compromisso com previsão de medidas de melhoria e cronograma para sua realização. E neste caso, também receberá uma avaliação in loco para análise das medidas e verificação do cronograma de implantação.